AUMENTO DA RESTRIÇÃO DE AUDIÊNCIA DE PÚBLICO INFANTIL
O terceiro avanço do Compromisso estabelece uma nova diretriz sobre audiência infantil: a partir de agora são consideradas audiências infantis aquelas cujo público é composto por 35% ou mais de crianças abaixo de 12 anos. O critério anterior era de 50% ou mais.

A renovação do Compromisso está atrelada à comunicação de marketing e a publicidade de produtos alimentícios e bebidas não alcóolicas destinados principalmente a crianças menores de 12 anos de idade em todas as mídias abrangidas.

A menção de “destinados principalmente a crianças menores de 12 anos de idade“ refere-se aos anúncios em mídia mensurável em que 35% ou mais do público-alvo está abaixo dos 12 anos de idade. Quando não existirem dados adequados disponíveis, as empresas considerarão outros fatores como adequados, os quais poderão incluir a impressão geral do anúncio, as ações tomadas para restringir o acesso de crianças e o público-alvo com base no plano de mídia da empresa.

As mídias contempladas para cumprimento do Compromisso são: televisão aberta e fechada, rádio, mídia impressa, cinema, Internet (incluindo sites pertencentes à empresa), DVD/CD-ROM, marketing direto, merchandising, jogos interativos, outdoor marketing (a ser definido por diretrizes de interpretação) e marketing por SMS e dispositivos móveis. Embalagens, atividades em lojas e pontos de venda, bem como as formas de comunicação de marketing que não estão sob o controle direto do proprietário da marca, tais como conteúdos gerados por terceiros, não são abrangidos por este compromisso. Os critérios de nutrição foram padronizados para todas as empresas e são os mesmos utilizados no Compromisso da União Europeia para Publicidade e Marketing para Crianças, não tendo sido necessário realizar adaptações quanto ao seu conteúdo, uma vez que contemplam a mesma faixa etária e referências globalmente reconhecidas.